Política Empregos

32% dos brasileiros cogitam mudar de emprego em 2024, diz estudo

A pesquisa feita pela empresa holandesa Randstad revelou que 32% dos profissionais brasileiros tem interesse em mudar de emprego em 2024, sende que 14% j√° mudaram de profissão nos √ļltimos 6 meses do ano passado.

Por ICL Notícias

19/06/2024 às 14:41:20 - Atualizado h√°

A pesquisa feita pela empresa holandesa Randstad revelou que 32% dos profissionais brasileiros tem interesse em mudar de emprego em 2024, sende que 14% j√° mudaram de profissão nos √ļltimos 6 meses do ano passado. De acordo com o estudo, os maiores interessados em mudar o rumo profissional fazem parte da Geração Z, pessoas nascidas entre 1997 e 2012.

A pesquisa j√° existe a mais de 20 anos, e ajuda a entender as tend√™ncias e dinâmicas do mercado, fornecendo uma visão para as estrat√©gias da empresa. Segundo o CEO da Randstad, F√°bio Battaglia o estudo "pode ser usado para identificar as necessidades e prefer√™ncias dos trabalhadores", diz.

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O mercado aquecido e o aumento no custo de vida foi uma das principais causas que projetou esse cen√°rio. Segundo a Randstad, um quinto dos trabalhadores não teve seu sal√°rio aumentado de acordo com a inflação, ou receberam qualquer tipo de auxilio, enquanto apenas 30% indicaram que ganharam um aumento salarial que compensasse o maior custo de vida. Melhor sal√°rio, benef√≠cio e perspectiva de crescimento na empresa tamb√©m foram fatores que motivaram o desejo da mudança de carreira.

O levantamento buscou elencar as principais empresas para se trabalhar, de acordo com os funcion√°rios. Dentre elas se destaca a Samsung, tendo como principais pontos positivos a sa√ļde financeira e reputação, e em seguida a Nestl√©, que ocupa a segunda coloação no raking.

O 3¬ļ lugar pertence a Petrobras, que tem como atrativo a evolução e o desenvolvimento cont√≠nuo dos seus funcion√°rios.

A pesquisa ainda mostra os setores mais buscado no Brasil, tendo a manufatura de produtos eletrônicos e da ind√ļstria automotiva no topo.

Uma novidade implementada pela pesquisa essa ano foi o fator da equidade nos negócios. Cerca de um terço dos brasileiros se identifica como parte de algum grupo minorit√°rio, e desse grupo, mais da metade indicou que j√° enfrentou algum obst√°culo para progredir na empresa devido à sua identidade.

Novos empregos

Diante desse cen√°rio, o Linkedin se destaca como a plataforma mais utilizada por aqueles que buscam mudar de profissão no Brasil.

Segundo o estudo, 60% dos trabalhadores brasileiros possuem um conta na rede social, que √© usada para se candidatar a empregos, e como forma de se sentir conectado e se manter atualizado sobre informações do mercado de trabalho.


Comunicar erro

Coment√°rios Comunicar erro

Jornalista Luciana Pombo

© 2024 Blog da Luciana Pombo é do Grupo Ventura Comunicação & Marketing Digital
Ajude financeiramente a mantermos nosso Portal independente. Doe qualquer quantia por PIX: 42.872.330/0001-17

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

Jornalista Luciana Pombo
Acompanhantes GoianiaDeusas Do Luxo