Litoral Cidades

Semana do Meio Ambiente de Paranaguá: diversão, aprendizado e ações para um futuro sustentável

O evento, já tradicional na cidade, reúne cerca de 37 empresas em 50 estandes e atrai milhares de visitantes, principalmente crianças e jovens.

Por Da Redação

11/06/2024 às 20:36:51 - Atualizado há
image-22
O evento, já tradicional na cidade, reúne cerca de 37 empresas em 50 estandes e atrai milhares de visitantes, principalmente crianças e jovens. Foto: Prefeitura de Paranaguá

A 17ª edição da Semana do Meio Ambiente de Paranaguá teve início nesta terça-feira (11) e continuará até o próximo sábado (15), das 8h30 às 11h30 e das 13h30 às 17h, encerrando-se às 12h de sábado, na Arena Albertina Salmon. A entrada é gratuita.

O evento, já tradicional na cidade, reúne cerca de 37 empresas em 50 estandes e atrai milhares de visitantes, principalmente crianças e jovens, que têm a oportunidade de aprender e se divertir com atividades e informações sobre a importância da sustentabilidade. A programação é completa, incluindo palestras e a chance de conhecer de perto iniciativas de empresas e órgãos governamentais na proteção do meio ambiente.

A temática central deste ano, “Arborização e Compostagem: trilhando uma nova paisagem”, reflete o compromisso da cidade com a preservação ambiental e a busca por soluções inovadoras para os desafios da sustentabilidade. Durante a abertura oficial do evento, o prefeito Marcelo Roque (PSD) destacou a importância da feira para a conscientização ambiental, relembrando a trajetória da Semana do Meio Ambiente.

Essa feira teve início com o Ibama. Nas primeiras cinco edições, eles foram os responsáveis pela organização. Depois, a Prefeitura assumiu esse papel, e agora estamos nos aproximando da 17ª edição. Naquela época, eu era o secretário de Meio Ambiente e assumimos uma missão desafiadora. Ao longo dos anos, testemunhamos o crescimento contínuo da feira. A organização é excelente, com contribuições significativas das empresas e da Secretaria do Meio Ambiente“, relembrou.

Para cada árvore removida, várias outras são plantadas

A Semana do Meio Ambiente destaca o trabalho da Prefeitura em prol de uma cidade mais verde e sustentável. O prefeito ressaltou o trabalho realizado na arborização urbana. “Quando cortamos uma árvore, sabemos que é um assunto sensível para a comunidade. No entanto, a remoção só ocorre quando a árvore é diagnosticada como condenada por laudo técnico, visando prevenir acidentes. A Prefeitura conduz esse processo com rigor, priorizando a segurança da população. Além disso, para cada árvore removida, plantamos várias outras“, disse.

image-21
Durante a abertura oficial do evento, o prefeito Marcelo Roque (PSD) destacou a importância da feira para a conscientização ambiental, relembrando a trajetória da Semana do Meio Ambiente. Foto: Prefeitura de Paranaguá

Roque também citou exemplos de ações como o replantio de árvores na Praça Fernando Amaro, após a queda de árvores condenadas. “A remoção de árvores só é realizada em último caso, quando há risco iminente para a população. Ninguém retira uma árvore sem um laudo técnico, e o plantio de novas mudas é feito com o cuidado necessário para garantir a segurança e a beleza da cidade. A arborização é fundamental para a qualidade de vida da população, para a saúde do meio ambiente e para a beleza da cidade“, completou.

Arborização urbana

Em entrevista ao JB Litoral, o secretário de Meio Ambiente, Diego Delfino, detalhou as ações da pasta ao longo do ano. “A Semana de Meio Ambiente é uma oportunidade para apresentarmos projetos como o Plano Municipal de Arborização Urbana, que mapeia todas as árvores do município, identificando as que precisam ser substituídas e os locais para novos plantios. Além disso, temos a 'SEMA na Escola', que leva a educação ambiental para as escolas e promove visitas à Secretaria“, informou.

O trabalho da Prefeitura na arborização urbana rendeu a Paranaguá um reconhecimento internacional no ano passado. “Esse trabalho meticuloso resultou no reconhecimento internacional com o título de Cidade Árvore do Mundo (Tree Cities of the World). A certificação é conferida pela Arbor Day Foundation e pela Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO/ONU), e Paranaguá foi uma das 27 cidades no Brasil a receber essa honraria“, afirmou Delfino.

image-20
A Semana de Meio Ambiente é uma oportunidade para apresentarmos projetos como o Plano Municipal de Arborização Urbana, que mapeia todas as árvores do município, identificando as que precisam ser substituídas e os locais para novos plantios“, disse o secretário de Meio Ambiente, Diego Delfino. Foto: Prefeitura de Paranaguá

Além disso, a cidade conquistou o selo Clima Paraná no ano passado, concedido pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável (Sedest), que reconhece os municípios com ações eficazes para a mitigação das mudanças climáticas. “Somos um dos seis municípios do Paraná a receber esse selo, o que demonstra a seriedade do nosso trabalho e a busca por práticas que contribuem para um futuro mais verde“, ressaltou o secretário.

Entre as ações ambientais na cidade, Delfino também mencionou a importância do processo de licenciamento ambiental para as empresas, que exige estudos de compensação de carbono. “Devido a esse processo, em 2024, mais de 1.500 mudas serão plantadas, priorizando espécies robustas, garantindo um crescimento mais rápido e eficaz. O plantio de mudas de maior porte garante que as árvores cheguem ao estágio ideal em menos tempo, contribuindo para o conforto térmico da cidade e para a qualidade de vida da população“, concluiu.

Compostagem

Mas o evento não se limita à arborização. A compostagem, outro tema central da programação, ganha destaque com a participação de empresas e entidades que demonstram as melhores práticas para o tratamento de resíduos orgânicos. Através de palestras e demonstrações práticas, os visitantes aprendem como transformar o lixo orgânico em adubo natural, contribuindo para a redução do descarte inadequado e para a fertilização do solo.

Um dos exemplos sobre a compostagem está no estande da Portos do Paraná, que apresenta um minhocário aos visitantes. "Aqui a gente apresenta um pouquinho mais sobre essa técnica para explicar nossas ações de compostagem junto aos moradores e escolas na Ilha do Mel", explicou a bióloga Jaqueline Dittrich.

A participação da empresa pública na Semana do Meio Ambiente deste ano está marcada por um forte compromisso com a sustentabilidade e a educação ambiental. “Estamos participando novamente este ano e trouxemos várias informações sobre nossos programas. Temos atendimento à fauna silvestre na área do porto, atividades educativas, e também estamos distribuindo mudas e convidando todos a conhecer nossos projetos e participar do sorteio de brindes", compartilhou Jaqueline Dittrich.

image-1-1
Um dos exemplos sobre a compostagem está no estande da Portos do Paraná, que apresenta um minhocário aos visitantes. Foto: Claudio Neves/Portos do Paraná

Fonte: JB Litoral
Comunicar erro
Jornalista Luciana Pombo

© 2024 Blog da Luciana Pombo é do Grupo Ventura Comunicação & Marketing Digital
Ajude financeiramente a mantermos nosso Portal independente. Doe qualquer quantia por PIX: 42.872.330/0001-17

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

Jornalista Luciana Pombo
Acompanhantes GoianiaDeusas Do Luxo