Geral Notícias

Hepatite A atinge mais homens entre 20 e 39 anos em Curitiba

Curitiba está vivendo um surto de Hepatite A e a doença atinge mais homens do que mulheres.

Por Da Redação

11/06/2024 às 08:36:48 - Atualizado há
Foto: Agência Estadual de Notícias

Curitiba está vivendo um surto de Hepatite A e a doença atinge mais homens do que mulheres. De acordo com o Boletim Epidemiológico da doença, divulgado nesta segunda-feira (10) pela Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de Curitiba, a capital paranaense confirmou mais 38 casos da doença na última semana.

Além disso, de janeiro a 7 de junho de 2024, já foram registradas 310 infecções, cinco mortes e um transplante hepático da Hepatite A em Curitiba.

As investigações do Centro de Epidemiologia da SMS apontam que a transmissão acontece de pessoa a pessoa, principalmente por práticas sexuais desprotegidas e a contaminação ocorre pelo contato de fezes com a boca. 

Veja também:

Segundo o diretor do Centro de Epidemiologia da SMS, Alcides de Oliveira, a principal prevenção é o cuidado com a higiene, tanto na prática sexual quanto na hora de se alimentar e cozinhar. 

A maioria das confirmações de Hepatite A são em homens jovens, entre 20 e 39 anos. Ao todo, são 228 casos em homens (73,5%) e 82 em mulheres (26,5%). Além disso, 187 pessoas precisaram de internação hospitalar (60%) e 11 deles de cuidados na UTI.

Veja os principais sintomas da Hepatite A 

  • Fadiga;
  • Febre;
  • Mal-estar;
  • Dores musculares;
  • Enjoo;
  • Vômitos;
  • Dor abdominal;
  • Constipação ou diarreia;
  • Urina escura;
  • Pele e os olhos amarelados (icterícia).

Como se prevenir da Hepatite A?

  • Usar preservativos e higienização das mãos, genitália, períneo e região anal antes e após as relações sexuais;
  • Lavar constantemente as mãos, incluindo após o uso do sanitário, trocar fraldas e antes do preparo de alimentos;
  • Lavar com água tratada, clorada ou fervida, os alimentos que são consumidos crus, deixando-os de molho por pelo menos 10 minutos;
  • Cozinhar bem os alimentos antes de consumi-los, principalmente mariscos, frutos do mar e peixes;
  • Lavar adequadamente pratos, copos, talheres e mamadeiras;
  • Usar instalações sanitárias;
  • No caso de creches, pré-escolas, lanchonetes, restaurantes e instituições fechadas, adotar medidas rigorosas de higiene, tais como a desinfecção de objetos, bancadas e chão utilizando hipoclorito de sódio a 2,5% ou água sanitária.
  • Não tomar banho ou brincar perto de valões, riachos, chafarizes, enchentes ou próximo de onde haja esgoto;
  • Evitar a construção de fossas próximas a poços e nascentes de rios;
  • Vacinar as crianças de um a cinco anos contra a Hepatite A;
  • Pessoas vivendo com HIV/Aids, candidatos a transplantes, doadores de órgãos sólidos, imunossuprimidos também podem se vacinar contra a Hepatite nos Centros de Referências de Imunobiológicos (Crie).

Fonte: Massa News
Comunicar erro
Jornalista Luciana Pombo

© 2024 Blog da Luciana Pombo é do Grupo Ventura Comunicação & Marketing Digital
Ajude financeiramente a mantermos nosso Portal independente. Doe qualquer quantia por PIX: 42.872.330/0001-17

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

Jornalista Luciana Pombo
Acompanhantes GoianiaDeusas Do Luxo