Grande Curitiba Geral

Ministro da Cidadania conhece equipamentos da assistência social

Por Grande Curitiba

05/08/2022 às 13:07:39 - Atualizado há

COM ASSESSORIAS – O ministro da Cidadania, Ronaldo Bento, conheceu equipamentos da assistência social que são referência no atendimento a pessoas em situação de vulnerabilidade em Curitiba. A visita técnica aconteceu na tarde desta quinta-feira (4/8).

Bento esteve na Rua da Cidadania Pinheirinho, onde visitou o Centro de Referência de Assistência Social (Cras), e também o Liceu de Ofícios, onde conversou com pessoas que fazem o Curso de Microempreendedor, promovido em parceria com o Instituto Federal do Paraná (IFPR). Mais tarde, foi à Praça Solidariedade, onde a Prefeitura mantém um complexo de atendimento a pessoas em situação de rua.

"Curitiba sempre foi um modelo, é precursora em diversas medidas de fortalecimento do Sistema Único de Assistência Social (Suas)", disse o ministro. "Estamos aqui conhecendo as boas práticas que já são aplicadas na cidade para a gente desenvolver e levar para outras regiões do país", ressaltou.

O ministro visitou os espaços com a superintendente de Gestão, Veranice Vieira de Lara Hayashida, a assessora de Gestão Intersetorial, Roberta Cristina Pivatto Borges, a assessora Comunitária, Eliane do Rocio Wosgerau Santos, e o assessor de gabinete Anderson Cristian Walter, que representaram a presidente da Fundação de Ação Social (FAS), Maria Alice Erthal.

Destaques

Veranice falou da descentralização de serviços existente na administração municipal e destacou o atendimento a pessoas em situação de rua e a mulheres vítimas de violência, principalmente a Pousada de Maria, além de programas para a geração de emprego e renda.

Antes de visitar as unidades da Prefeitura, o ministro cumpriu outras duas agendas. A primeira em uma cooperativa de transporte e logística, em São José dos Pinhais, onde é desenvolvido o Roda Bem Caminhoneiro, um dos programas do Ministério da Cidadania. Bento esteve ainda na comunidade terapêutica Servo Sofredor, parceira da capital no acolhimento a pessoas em situação de rua com dependência química.

A comitiva do ministro contou ainda com a presença do chefe de Assuntos Estratégicos, Mauro Borges, da diretora de Cuidados, Prevenção, Reinserção Social, Claudia Leite, e do coordenador da Secretaria Nacional de Inclusão Social e Produtiva, Fábio Roque.

Participaram também da recepção ao ministro os administradores regionais Reinaldo Boaron (Pinheirinho) e Rafaela Lupion (Matriz).

Ações preventivas

Porta de entrada da assistência social, o Cras Pinheirinho tem como um dos principais serviços o acompanhamento de famílias e pessoas que passam por situações de vulnerabilidade. Atividades de convivência e fortalecimento de vínculos também promovem a inclusão social.

Na Praça Solidariedade, o ministro conheceu o Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop) e a Casa de Passagem Padre Pio, inaugurados no último da 1 de abril, pelo prefeito Rafael Greca. As duas unidades garantem atendimento especializado, individual e coletivo, com o objetivo de acolher e promover a autonomia e superação da situação de rua.

Durante a visita à praça, o ministro conheceu e conversou com Gerson Pereira, que viveu em situação de rua em Curitiba, recebeu atendimento técnico da FAS e acabou mudando de vida. Gerson foi acolhido pelo município, trabalhou como voluntário na Praça Solidariedade e mais tarde foi contratado por uma empresa terceirizada que presta serviço no espaço.

Ao ouvir a história de Gerson, o ministro decidiu presenteá-lo com uma jaqueta do Comitê Paraolímpico Brasileiro, como homenagem à superação de vida.

TAGS Geral
Comunicar erro
Jornalista Luciana Pombo

© 2022 Blog da Luciana Pombo é do Grupo Ventura Comunicação & Marketing Digital
Ajude financeiramente a mantermos nosso Portal independente. Doe qualquer quantia por PIX: [email protected] / 42.872.330/0001-17

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

Jornalista Luciana Pombo