Geral Prefeitura de Maringá responde

Como a educação municipal tem inovado em relação às estratégias de ensino? Tânia Periotto responde

Por Da Redação

27/05/2022 às 11:36:29 - Atualizado há
Como a educação municipal tem inovado em relação às estratégias de ensino? Tânia Periotto responde
Secretária de Educação de Maringá, Tânia Periotto.. Foto: PMM

O projeto “Prefeitura de Maringá responde” desta sexta-feira, 27, fala sobre como a educação municipal tem inovado em relação às estratégias de ensino. Quem responde às dúvidas da população sobre o assunto é a secretária de Educação de Maringá, Tânia Periotto.

O município aderiu ao projeto “Escolas para o Clima”, que busca fortalecer os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU), por meio da Agenda 2030. Os alunos realizam pesquisas, visitas, produções e estudos a respeito da temática, entre outras ações. Confira a entrevista abaixo.

1. Como a educação municipal tem inovado em relação às estratégias de ensino?

Nós temos algumas novidades, que é trabalhar por eixos temáticos e organizamos entregas trimestrais. Nos estamos envolvidos num grande projeto guarda-chuva. A rede se tornou signatária do movimento “Escolas para o Clima”. É um momento oportuno em que o nosso eixo temático discute as condições climáticas da nossa cidade, do nosso estado, do nosso País e em uma esfera mundial. Isso perpassa todos os anos escolares, então é um conteúdo que vem da desde a educação infantil até o quinto ano. Essa é uma estratégia diferenciada onde o professor consegue, ao final de um trimestre, oferecer um acompanhamento, em que nível a criança está em relação aos seus conhecimentos referentes a este conteúdo, que envolve sustentabilidade, o cuidado, como podemos impactar de forma positiva e negativa, quais são as estratégias diferenciadas que as crianças, enquanto multiplicadoras da informação, podem levar para suas famílias e isso tomar um escopo ainda maior, que vai para a comunidade, nessa perspectiva de sustentabilidade, de preservação, os ODS, e tudo isso vem acomodar dentro da educação, discutido em todas as áreas do conhecimento. Então se trabalha matemática, língua portuguesa, ciências, história, geografia, de uma maneira diferenciada, natural. Então todo mundo fala do mesmo assunto, mas em perspectivas diferentes no que se refere à área do conhecimento.

2. Quais as experiências oferecidas aos estudantes, na prática?

Este é um grande diferencial com relação às experiências de oportunidades. Como nós temos um grande eixo temático, cravado na perspectiva da sustentabilidade e amarrado com o contexto que Maringá oferece, toda essa preservação ambiental, todo esse engajamento com o meio ambiente e sustentabilidade, nós organizamos várias visitas didáticas, em vários pontos que Maringá oferece. É como se fosse um grande laboratório pedagógico e didático. As crianças vão para pesquisar. No Parque do Ingá, por exemplo, elas observam as árvores, o formato das folhas, as cores, efeitos de decomposição. (…) Essa possibilidade de eu, enquanto secretária, estar junto com as crianças acompanhando, a proximidade com os professores e com os próprios alunos. Essas práticas e essas possibilidades, das crianças saírem e se deslocarem, tem todo um trabalho de conhecimento, de informação e de cidadania, do embarque no ônibus, do cuidado, do momento de esperar, o que posso coletar, o que posso investigar. Eles guardam no envelope as coletas e levam para a escola.

3. Qual a programação com esses alunos das escolas municipais para essas ações?

A cada trimestre nós temos entregas: temos entregas do infantil I até o quinto ano, então o que eles trabalharam, relacionado com esse eixo temático das condições climáticas e “Escolas para o Clima”, que é um movimento que a rede municipal trabalha, participa, sendo signatária. Nós somos a maior rede municipal do Paraná engajada nesse movimento e a única do Brasil na questão do número de escolas.

Veja a entrevista completa com a secretária Tânia Periotto:

LEIA TAMBÉM – Dúvidas sobre o Provopar Maringá e as campanhas de alimento e agasalho? Eliane Maia responde

Fonte: GMC Online
Comunicar erro
Jornalista Luciana Pombo

© 2022 Blog da Luciana Pombo é do Grupo Ventura Comunicação & Marketing Digital
Ajude financeiramente a mantermos nosso Portal independente. Doe qualquer quantia por PIX: [email protected] / 42.872.330/0001-17

•   Política de Cookies •   Política de Privacidade    •   Contato   •

Jornalista Luciana Pombo