04/11/2019 às 14h16min - Atualizada em 04/11/2019 às 14h16min

“Paranaense de 117 anos pode bater recorde e ser o homem mais velho do mundo”

Gazeta do povo - Emanuelle Deise
Digital News
Digital News

“Iniciativa de papiloscopistas da Polícia Civil do Paraná pode fazer com que o paranaense Sebastião Batista dos Santos seja oficialmente reconhecido como o homem mais velho do mundo. Aos 117 anos, o idoso de Coronel Vivida, no Sudoeste do estado, que até seis meses atrás fazia horta na casa dos vizinhos, conseguiu obter certidão de nascimento “retroativa” a 1902, fazer uma nova identidade e ser submetido ao título no livro de recordes Guinness.

Se o registro for acatado, o Instituto de Identificação do Paraná (IIPR) também pode entrar para o tradicional ranking por ter em seu banco de dados as impressões digitais da pessoa mais antiga do mundo. É o que esperam os policiais da pasta engajados na campanha e que, interessados pela história do idoso, cumpriram as burocracias necessárias para o processo: a primeira delas, resgatar a certidão de nascimento de Sebastião, nascido em 15 de março de 1902.


“A família não tinha mais certidão de nascimento original. O RG ele já tinha no Paraná, mas era muito antigo, de 1990, então fui pesquisar para ver como poderíamos fazer. Acabei me voluntariando para trabalhar nisso porque a história é muito incrível”, conta Elisa Manoeli, 38 anos, papiloscopista e assessora de comunicação que assumiu a força-tarefa junto com o setor de identificação de Coronel Vivida e a seção regional de identificação de Pato Branco.

Caça aos documentos
Sebastião Batista dos Santos, de 117 anos, conseguiu 2ª via da certidão de nascimento e pode ser o homem mais velho do mundo| Elisa Manoeli/ IIPR
Foi o serviço de digitalização e microfilmagem da Polícia Civil que serviu de base para a retirada da segunda via da certidão de nascimento de Sebastião. Espécie de arquivo físico de documentos, o sistema tinha um registro do idoso feito em junho de 1976 no cartório de Coronel Vivida, feito quando ele tinha 74 anos.

Já para a confecção da identidade, os policiais foram até a casa onde Sebastião mora com a neta, no começo de outubro. Lá, encontraram o idoso muito mais animado do que imaginavam. “Fomos recebidos com gaita, que ele ganhou de presente quando fez 105 anos. Eu até achei que, pela idade dele, teríamos dificuldade para colher a impressão digital, porque poderiam não estar mais tão nítidas, mas estavam perfeitas”, comentou a papiloscopista.

A nova identidade de Sebastião foi entregue pelas mãos do prefeito de Coronel Vivida na última quinta-feira (10) em uma cerimônia de pompas acompanhada pela imprensa e à altura da maior celebridade da cidade.

Joceli dos Santos, 48 anos, filha mais nova do possível homem mais velho do mundo, diz que essa não é a primeira vez que cogitam inscrever o pai no livro nos recordes. Antes, contudo, não havia toda a documentação exigida – o que colocava em dúvida a data de nascimento do idoso.

Pai de nove filhos, o mais velho hoje com 80, Sebastião adquiriu limitação física por causa de um princípio de Acidente Vascular Cerebral (AVC), sofrido há seis meses. Mas até então, caminhava sem ajuda pelo município fazendo horta na casa dos vizinhos. “Ele trabalhou em roça a vida inteira, sempre plantando para os outros. E mesmo há pouco tempo ele saía fazer uma hortinha ou outra porque as pessoas chamavam bastante. Ele tem mão boa para plantar”, relata a filha.

Guinness
Até então considerado o homem mais velho do mundo, o japonês Masazo Nonaka, de 113 anos, morreu em janeiro deste ano. Se o cadastro de Sebastião for aceito, é ele quem deverá ocupar o novo recorde.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »

Qual melhor governador que o Paraná teve?

33.3%
29.6%
1.5%
4.4%
3.7%
13.3%
2.2%
11.1%
0.7%
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp