notícias, política

Tapa de luvas: Ciro Gomes demonstra força e chama Temer de chefe de quadrilha

O candidato do PDT à Presidência, Ciro Gomes, afirmou ser agredido ou insultado pelo presidente mais odiado do Brasil, Michel Temer, representa uma medalha para ele. A afirmação foi uma resposta à carta enviada por Michel Temer ao cantor e compositor Caetano Veloso. Na carta, Michel Temer chamou Ciro Gomes de “pigmeu político” (Pigmeu é um termo utilizado para vários grupos étnicos mundiais cuja altura média é invulgarmente baixa; os mais famosos pigmeus são os Mbuti onde os homens adultos crescem a menos de 150 cm na média de altura).

Ciro Gomes não perdeu tempo e disparou que o presidente é “chefe de quadrilha”. “Eu sou o cara que tenho confrontado o Michel Temer e o que ele representa. Você ser agredido e insultado pelo presidente da República mais odiado do Brasil, me parece uma medalha que quero que o povo preste a atenção”, declarou Ciro durante atividade de campanha no centro de Osasco (região metropolitana de São Paulo).

“Ele [Temer] elogia o [Geraldo] Alckmin, elogia o Henrique Meirelles e me critica azedamente. Sai até da postura de ‘falo-ia, falo-ei’, mesóclise e pilantragem. O Michel Temer é chefe de quadrilha, vamos convir, todo mundo está cansado de saber disso. Vou denunciá-lo de hoje até a última hora”, declarou o pedetista. Palavras fortes de um homem que não precisa de mandato para falar exatamente o que pensa.

Tagged , , , , , ,

About Luciana Pombo

Jornalista, teóloga, professora, amante do futebol, da poesia, da política, das coisas da vida! Com diversas premiações e moções parlamentares. Entre as principais premiações: Escritores da Liberdade, Top Master Estadual em Jornalismo, Fera Honorária (pela luta em prol da repressão ao uso de drogas e prevenção), Amiga da Criança, Dia do Radialista expedido pela Câmara Municipal de Curitiba, Dia da Mulher expedido pela Câmara Municipal de Curitiba, Diploma de Mérito Social.
View all posts by Luciana Pombo →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *