notícias, polícia

Surpresa: Oficial reformado da PM é executado

O coronel Valdir Copetti Neves, um dos mais operacionais que a Polícia Militar (PM) já teve, foi encontrado morto na tarde dessa segunda-feira, na região rural de Ponta Grossa. O crime aconteceu na região do Botuquara. O corpo estava no interior de um carro. Ele teria recebido seis tiros de calibre 12 e mais oito de .40, todos na cabeça.

Neves foi quem prendeu as chamadas Bruxas de Guaratuba – Celina e Beatriz Abagge, mulher e filha do então prefeito do Município e que foram acusadas e condenadas por supostamente mandar matar uma criança num ritual de magia negra para ter mais poder e fortuna. Elas acusaram o grupo da PM-2 (polícia secreta da PM) de tortura.

Neves foi comandante do Grupo Águia, que chefia um grupo contra roubo de cargas no Paraná e dos policiais do antigo Gerco (Grupo de Repressão ao Crime Organizado), que atuava em investigações junto à CPMI do Narcotráfico. Extinto, o Gerco deu lugar ao atual Gaeco.

Nota da Blogueira: Vejo com a mesma surpresa que vi a execução de Joarez França, o Caboclinho, também em zona rural de município paranaense. Quem mexe de alguma forma com o crime organizado tem que estar sempre atento a emboscadas. Infelizmente… a segurança é artigo de luxo no Brasil.

Tagged , , , , , , , ,

About Luciana Pombo

Jornalista, teóloga, professora, amante do futebol, da poesia, da política, das coisas da vida! Com diversas premiações e moções parlamentares. Entre as principais premiações: Escritores da Liberdade, Top Master Estadual em Jornalismo, Fera Honorária (pela luta em prol da repressão ao uso de drogas e prevenção), Amiga da Criança, Dia do Radialista expedido pela Câmara Municipal de Curitiba, Dia da Mulher expedido pela Câmara Municipal de Curitiba, Diploma de Mérito Social.
View all posts by Luciana Pombo →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *