SBT terá que indenizar padres por danos morais

O SBT e o apresentador Carlos Massa, conhecido popularmente como Ratinho (pai do governador Ratinho Junior), terão de indenizar dois padres por danos morais por uma reportagem veiculada em 1999. Os padres são da cidade de Astorga. Segundo decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ), a indenização é de R$ 200 mil (já com a correção prevista).

A reportagem falava que uma moradora da cidade havia deixado o marido para viver com o padre que celebrou o casamento dela. No entanto, a notícia era falsa e teria sido feita para dar mídia. Além disso, as imagens mostraram um outro padre da mesma cidade. Os dois, então, processaram o programa. Nenhum dos dois tinha qualquer relação com o caso narrado na reportagem do programa do Ratinho.

A decisão levou em conta “a imprudência dos apelantes ao transmitir ao vivo matéria ofensiva à honra dos apelados, o sofrimento ocasionado às vítimas e a repercussão em cadeia nacional de televisão, em horário nobre”, escreveu o ministro. O caso ficou ainda mais grave por envolver padres acusados de infringir o celibato, informou o documento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *