notícias, política

Presidente da maioria?

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSL-RJ) é dono de pérolas daquelas mais fajutas. Não é difícil não conseguir boas argumentações do pré-candidato à presidência da República das direitas nacionais. Pois bem. Essa semana ele passou mais um tradicional “carão” e teve que se esconder no banheiro para fugir de uma passageira na sala de embarque do Aeroporto de Congonhas (SP). Ele tentava voltar para Brasília.

A mulher cercou o parlamentar, chamou de lixo e chegou até a se jogar no chão.  “A senhora se aproximou, pelo que tudo indica, bastante embriagada, se encostando. Eu saí de perto, é lógico. Ela chegou a cair no chão sozinha”, relatou o candidato, para reportagem momentos depois.

Bolsonaro acabou comprovando seu tom ditatorial, lamentando o fato de não ter funcionários do aeroporto e seguranças para resolverem o assunto, que – segundo ele – teria que culminar no impedimento da passageira de embarcar no avião. “Ela não poderia embarcar num estado desses”, disse o pré-candidato.

Fico me perguntando se a irritação era por supostamente ela estar embriagada, por ser mulher ou por não ser Amélia. Enfim… eis o relato!

Tagged , , , , , , ,

About Luciana Pombo

Jornalista, teóloga, professora, amante do futebol, da poesia, da política, das coisas da vida! Com diversas premiações e moções parlamentares. Entre as principais premiações: Escritores da Liberdade, Top Master Estadual em Jornalismo, Fera Honorária (pela luta em prol da repressão ao uso de drogas e prevenção), Amiga da Criança, Dia do Radialista expedido pela Câmara Municipal de Curitiba, Dia da Mulher expedido pela Câmara Municipal de Curitiba, Diploma de Mérito Social.
View all posts by Luciana Pombo →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *