Mulher mata filho e se mata após perder guarda para ex-marido

A investigadora da Polícia Civil, Dolores Mileide de Souza Simões, matou o filho de quatro anos e, em seguida, cometeu suicídio, em Cambé (região Norte do Paraná). Antes de se matar, ela deixou um bilhete relatando problemas que estava enfrentando com o pai da criança. Ela chegou a acusar o ex-marido de ter cometido violência sexual contra a criança. No entanto, a Justiça não entendeu a suposta violência como realidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *