Ex-deputado ficará preso

A ministra Maria Thereza de Assis Moura, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), negou liminar ao ex-deputado estadual Cícero Paes Ferro, de Alagoas, que queria dar fim a ordem de prisão preventiva decretada contra ele pela Justiça daquele estado. O ex-deputado é acusado de ser o autor intelectual do assassinato do vereador Fernando Aldo, em 2007 na cidade de Mata Grande.

Segundo informações recebidas do Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ) pela ministra, Cícero Ferro estaria usando seu poder político para dificultar o trabalho do Judiciário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *