Crimes de Intolerância crescem na campanha de 2018

Os registros de crimes relacionados à intolerância no estado de São Paulo atingiram um pico durante as eleições de 2018, segundo reportagem publicada no jornal Folha de São Paulo. Em agosto, setembro e outubro, meses de campanha, foram 16 casos por dia, em média, o que representa mais do que o triplo dos 4,7 registros diários ao longo do primeiro semestre.

Os dados, obtidos pela Folha por meio da Lei de Acesso à Informação, são de boletins de ocorrência registrados no estado para crimes motivados por algum tipo de intolerância: por homofobia ou transfobia, racial, por etnia ou cor, origem, religião e outros. Nos meses eleitorais, as ocorrências de intolerância religiosa cresceram 171% em relação ao total dos três meses anteriores. As de homofobia, 75%, e as de intolerância por origem, 83%. Registros relacionados a preconceito de cor ou raça aumentaram 15%.

Preocupante…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *